Domingo, Junho 25, 2017
pt-ptende
Inicio | Portugal | Vida (page 3)

Vida

La Belle Verte

casa em taipa

A educação é o exercício acompanhado de competências físicas, emocionais, sociais, intelectuais, de carácter e de prática de vida para crianças, que numa cultura são fornecidas a todas as pessoas. Na Grécia Antiga, educação significava formação tanto intelectual como ética e a inclinação para o pensamento relevante. Eles estavam preocupados com a obtenção da excelência de uma pessoa e a excelente qualidade das suas competências sociais e cívicas. Educação engloba, por isso, o acto de alguém que conhece o caminho, pegar na mão de outra pessoa, mostrar-lhe o caminho e acompanhá-la activamente. Todos os tipos de educação funcionam segundo este …

Leia mais »

Sabores vegetarianos em terras D’el Rei

Cor de tangerina - Guimarães

Cor de laranja não é o mesmo que cor de tangerina, já que esta é exclusiva de Guimarães, mais especificamente do restaurante vegetariano que se encontra mesmo em frente ao castelo que serviu de berço ao condado portucalense. Idealizado em Santo Tirso mas materializado em Guimarães, este é o único restaurante vegetariano em toda a cidade, mas nem por isso deixa de reflectir a história gastronómica da zona em pormenores como o uso de ervas aromáticas típicas como o alecrim ou a presença de alimentos fumados, ambos combinados no prato de arroz de alecrim e tofu fumado. Da mesma forma, …

Leia mais »

Saudade.

Carne assada

Por que quase metade da humanidade passa o dia todo a falar sobre comida, sobre os verdadeiros ingredientes e sobre boas receitas, e por que é que muitos, na grande maioria dos casos, fazem exactamente o oposto ao seu organismo? Consumo de comidas gordurosas, altamente calóricas e, assim, muitas vezes nada saudáveis; a maioria também consome sempre carne de supermercado, de criação em massa de animais, e cuja origem nas muitas costeletas, febras e salsichas não se consegue minimamente identificar. Muitos nem sequer estão interessados em saber. Os nossos hábitos alimentares (de comida e bebida) estarão a ser vítimas da …

Leia mais »

Tradição ao ritmo adequado

restaurante o charrette

Aviso prévio: se para o leitor qualquer tipo de comida é indiferente, ou se prefere ‘despachar’ as suas refeições à pressa, ‘A Charrette’ não é o restaurante indicado para si. Este é um estabelecimento em que tudo demora o tempo adequado, desde a confecção dos pratos ao serviço, dando (até exigindo) espaço para saborear a excelente comida, apreciar a decoração, conversar e desfrutar da companhia. Situado no centro de Monchique, quem entra no restaurante depara-se com uma decoração tradicional, acolhedora, com mobília antiga (mas bem tratada) em madeira, onde encontra inúmeros objectos do trabalho ou uso quotidiano de outras épocas. …

Leia mais »

Saborear a Primavera

Daniel Marreiros

Béchamel de salsa Ingredientes: Infusão: 450 ml de leite 20 gr de cebola cortada fina 3 bagos de pimenta schechuan 3 bagos de sementes de coentros Roux: 35 gr de manteiga 35 gr de farinha 55 gr de salsa Método: Juntar os ingredientes todos da infusão até ferver, a lume médio. Após ferver cobrir com pelicula a panela de modo a tapar o vapor, durante 20 minutos. Numa panela à parte juntar 35 gr de manteiga e esperar que derreta completamente. Após ganhar uma tonalidade ligeiramente dourada, adicionar a farinha, sempre mexendo para não queimar. Passar a infusão por um …

Leia mais »

Onde o património se saboreia

restaurante museum of cuttlefish

Museu do Choco É impossível pensar em choco, sem pensar imediatamente na cidade de Setúbal. Todas as regiões têm a sua gastronomia típica, e Setúbal não foge à regra. Lisboa tem a sardinha assada, o Porto tem as tripas à moda do Porto, e quando pensamos em choco, particularmente frito, pensamos em Setúbal. Mas até agora, não existia um local que fizesse justiça à presença do choco na tradição histórica, cultural e económica da região. Situado na Avenida Luísa Todi, em pleno coração de Setúbal, o Museu do Choco inaugurou no verão de 2013 com a intenção de projectar a …

Leia mais »

O comércio reinventa-se

loja de segunda mão

Guia de lojas em segunda mão (Porto) Na cidade invicta abundam as lojas de artigos usados dos mais variados tipos, com predominância para as livrarias. Existem também algumas lojas especializadas em artigos de colecção ou mobiliário, mas cujos preços praticados não estão ao alcance do consumidor médio. Isto pode, por vezes, prejudicar um dos factores-chave neste guia, o da reciclagem de produtos como meio para uma maior sustentabilidade, mas também permite descobrir artigos raros e de grande qualidade. No Porto, o local de aquisição de artigos usados por excelência cabe, sem dúvida, à Feira da Vandoma, que acontece todos os …

Leia mais »

De comer e rezar por mais

Templo Hindu

Um provérbio antigo diz que os homens se apanham pelo estômago. No caso do Templo Hindu de Lisboa não me surpreenderia que alguns devotos tivessem começado por frequentar a cantina. Em Lisboa, como em toda a parte, o que não faltam são restaurantes indianos. Mas restaurantes, indianos ou não, não passam disso mesmo: restaurantes. Uma cantina num templo Hindu, que serve comida indiana caseira, é, em comparação, um universo paralelo e provavelmente a melhor maneira do estômago visitar a Índia sem sair de Lisboa. O Hinduísmo é a principal religião da Índia, cuja alimentação é praticada de acordo com os …

Leia mais »

O lixo de um homem é o tesouro de outro

feira da ladra

Guia de lojas em segunda mão Cada vez mais a aquisição de artigos usados tende a ser associada à crise, mas as lojas de segunda mão sempre existiram um pouco por todo o lado. Há muita gente para quem comprar artigos usados é um estilo de vida, quer por questões financeiras, quer por aquilo que procuram já não ser produzido. Umas lojas especializam-se em roupa, discos, mobiliário ou livros e outras generalizam e vendem todo o tipo de artefactos, como se fossem uma minifeira da ladra. Feira esta que continua a ser o local de compras de usados por excelência, …

Leia mais »

Saborear, hoje, o passado

A casa da Isabel

A doçaria faz parte da cultura portuguesa e tem no período natalício um dos seus pontos altos. Neste Natal, a ECO123 convidou as responsáveis de duas das melhores casa de doces do Algarve a partilhar consigo receitas açucaradas com o sabor típico do Algarve. Situada no centro de Portimão, a Casa da Isabel é um regresso ao passado dos nossos sonhos: aquele tempo em que, numa casa antiga mas acolhedora, nos espera sempre um doce magnífico, um chá que nos aquece, um produto tradicional de um Algarve que felizmente ainda existe. A suave música ambiente propicia a uma conversa entre …

Leia mais »