Quarta-feira, Outubro 27, 2021
pt-ptende
Home | ZW1

ZW1

Nº 111 – Utopia?

Sábado, dia 23 de outubro de 2021. … quem é que determina o nosso futuro, agora que paira sobre nós uma ameaça que bate à porta da nossa consciência diariamente, mas que a maior parte das pessoas não pretende deixar entrar de forma alguma? Por enquanto, a maior parte dos europeus conseguem ignorar essa ameaça. Têm as portas e janelas bem trancadas, especialmente quando se trata de receber os primeiros refugiados climáticos e de guerra vindos de África e salvos no Mar Mediterrâneo. Como se fosse possível, no longo prazo, ignorar simplesmente a ameaça da emergência climática! Já hoje, há …

Read More »

A minha viagem pelo mundo
Dez passos para entrar noutro mundo

Primeiro passo: aprender cozinha vegetariana… Estou sentado à mesa do pequeno almoço – pão, manteiga, queijo, um ovo – servidos como se costuma fazer nos hotéis: a chávena de café, o sumo de laranja e os cereais. Penso no dia anterior e imagino ser uma pessoa que costuma comer carne, a quem dizem que, a partir de hoje, terá de erradicar carne e enchidos da sua alimentação. Por razões morais ou para proteger o clima. Está muito em jogo. Se eu fosse alguém habituado a comer carne ficaria zangado e indisposto, mal-humorado, e acabaria por culpar o resto do mundo …

Read More »

Cenários realistas

O Instituto de Investigação para o Clima de Potsdam (PIK) é uma instituição de pesquisa científica conhecida além fronteiras e tem, atualmente, 365 cientistas de todo o mundo. A sua pesquisa para as alterações climáticas é interdisciplinar e procura encontrar soluções realistas. Para além das suas publicações em revistas científicas tem um papel consultivo para vários governos. Há quatro departamentos que estudam, respetivamente, sistemas terrestres (oceanos, atmosfera e biosfera), resiliência climática (impactos e adaptações às alterações climáticas), processos de transformação (riscos e desenvolvimento) e sistemas complexos (inteligência artificial, métodos e estratégias não lineares). A ECO123 publica aqui informações em colaboração …

Read More »

Tempo é dinheiro?

O Ser Humano quer sempre mais: mais tecnologia, mais conforto, mais consumo, mais dinheiro. É um estilo de vida que levanta muitas questões. O que acontece nos campos, nas florestas, nas estradas, nas cidades, nos postos de trabalho, nas escolas e nas universidades? O Ser Humano evita respostas e decisões concretas. O Ser Humano mantém constante a mesma atividade, tal como as suas máquinas, ignorando a importância dessas questões: O que está dentro do seu alimento, da sua roupa, dos seus medicamentos? Será que a industrialização está a envenená-lo a si e à Terra? Até que ponto é que a …

Read More »

It’s a Man’s Man’s World

O Ser-Humano tem por hábito definir o seu sucesso através de valores exteriores como o dinheiro, estatuto social, aspeto físico. O Ser-Humano frequentemente não tem em atenção metas espirituais como o bem-estar da alma, a alegria de viver e os seus sentimentos, bem como a aprendizagem de novas competências. Muitas vezes não aprendemos isto em casa, na escola ou na universidade. Não se fala sobre o bem-estar espiritual ou sobre os sentimentos, porque não funcionar envergonha as pessoas. Quando o Ser-Humano descobrir a razão porque anda a vida toda a subjugar-se ao dinheiro, ao trabalho e a um sistema económico …

Read More »

Nº 95 –
Dez passos para a neutralidade climática 2025
Quem é responsável pela catástrofe climática?

Sábado, dia 10 de julho de 2021 Conhecemos a extensão da camada protectora chamada atmosfera que rodeia o planeta Terra? Sim? Não? Terei todo o gosto em dizer-lhe. A atmosfera em que podemos viver é de dez quilómetros. Dentro desta concha de ar, com apenas dez quilómetros, encontra-se o habitat de todos os seres vivos deste planeta. Para si e também para mim e para todos os outros seres vivos. Inspiramos e expiramos e voltamos a inspirar e a expirar, uma e outra vez. E quando entramos num automóvel e ligamos o motor – espere um minuto – continuamos a …

Read More »

Um final feliz
com o Renault ZOE ZEN
ou como poupar 10.000 euros em gasolina em cinco anos

Há dez anos decidi livrar-me de todas as máquinas e de todos os motores que necessitassem de combustíveis fósseis. Na altura tinha um velho Renault Kangoo a gasolina, e ficava com má consciência quando comia carne. Os meus colegas da altura compraram carros novos. No entanto, eu hesitava sem saber como investir. Decidi tornar-me independente dos constrangimentos de uma sociedade baseada nos combustíveis fósseis. Tomei uma decisão fundamental, não comprei um carro novo. Continuei a andar no meu carro antigo de 1998, com a chapa toda marcada por pequenos toques, até ao ano de 2015 (880.000km). Não me importava o …

Read More »

Uma conversa no campo

Os ponteiros do relógio ainda não bateram as cinco horas neste belo dia de Verão que desperta, lentamente. Chega-me a informação. Devo encontrar-me com um grupo de cidadãos que decidiram pôr fim às monoculturas. Por isso, saio da cama às quatro horas da manhã e entro dentro da minha roupa. Chego a uma encruzilhada em terra de ninguém. Estacionei o carro em local seguro, há algum tempo atrás. O resto do caminho, percorri-o a pé. A dada altura, deixei a estrada alcatroada, virei num trilho de terra batida e segui-o até aos terraços, conquistados ao terreno por bulldozers. Esperei pelo …

Read More »

Sabe como
árvores inteligentes
comunicam com pessoas?

A Dra. Suzanne Simard leciona ecologia florestal na University of British Columbia, no Canadá. Investiga a forma como as árvores comunicam entre si. É professora por paixão, tem vários TedTalks e uma participação especial no filme “Intelligent Trees”, no qual nos mostra uma história muito interessante ligada à ecologia. A Dra. Simard mediu a partilha e o fluxo de carbono entre diferentes árvores e espécies com carbono radioativo. Descobriu que as bétulas recebem carbono extra dos pinheiros-de-Oregon quando largam as suas folhas, e que as bétulas fornecem carbono aos pinheiros-de-Oregon que estão mais à sombra. Atualmente, a Dra. Simard trabalha …

Read More »

A floresta era o Banco da Natureza?

Convidámos a professora e artista Ana Nunes (67 anos) para uma conversa. Sou de Monchique, não vivi cá durante muitos anos, mas tenho memórias do que veio da minha família, refere. A ECO123 questiona-a sobre essa memória de quando a floresta era gerida de forma sustentável e a partir de quando se transformou numa plantação singular de eucaliptos.   A floresta não é uma fábrica de enchidos, não? Hum, hum (concorda). Precisamos da floresta para proteger e salvar a Humanidade, apesar de as pessoas sempre terem visto na mesma uma fonte de rendimento. Receita, investimento, retorno. Esta é a economia …

Read More »