Quinta-feira, Outubro 19, 2017
pt-ptende
Inicio | Notícias

Notícias

Um passo de cada vez - David Littlewood

Um passo de cada vez

Há 17 anos que David Littlewood percorre os caminhos do interior algarvio. Por vezes a sós, e outras vezes com os “Algarve Wednesday Walkers” (AWW). A ECO123 conversou com ele em São Brás de Alportel, sob um céu cinzento, e perguntou-lhe se a sua motivação para a caminhada reside num processo meditativo. A sua resposta fundamentou-se na constituição do ser humano, “Não, trata-se somente de dar um passo de cada vez, e se estivermos em grupo, há muita conversa”. David explica-nos que quando começou com as caminhadas no Algarve só havia basicamente um livro sobre percursos pedestres, e mesmo esse …

Leia mais »
O Caminho das Ervas Aromáticas

O Caminho das Ervas Aromáticas
caminhadas e encontros

As caminhadas sensoriais para a descoberta das ervas aromáticas, este outono vão centrar-se nos percursos pelo Algarve. Estão planeados dois passeios pelo campo para melhorar os conhecimentos sobre as flores e ervas, um nos trilhos sobre as falésias, e outro na Serra de Monchique, banhada pelas suas fontes de água fresca. Maureen Robertson e o seu parceiro José Melo propõem a locais e estrangeiros um abrandar do ritmo de vida englobado no processo de um caminhar consciente, para observar, tocar e respirar o mundo das plantas e ervas aromáticas nativas. Maureen Robertson pratica medicina natural inspirada em Goethe, e é …

Leia mais »
Mais um Festival

Mais um Festival

Quem tem uma ideia original ou quer chamar a atenção do público para um determinado produto, organiza um festival. É típico cá pelos nossos lados. Fazem-se festivais de cerveja, vinho, laranjas ou medronho, observação de aves, presunto, enchidos ou doçaria. É um festival após outro pelo ano todo. Também lhe poderíamos chamar feira, arraial ou circo. A realidade é que, este ano, a V edição do Walking Festival Ameixial (WFA) se realiza entre sexta-feira, dia 28 de abril, e segunda-feira, dia 1 de maio, em Loulé, no Algarve. Trata-se de uma boa promoção para o turismo diferenciador do interior do …

Leia mais »

Grão-de-bico pela sala?

O sentido de responsabilidade individual no futuro terá um papel cada vez mais importante no combate às alterações climáticas. Estão os consumidores a evitar o lixo já na fonte, ao fazerem compras? Produzem ou compram eletricidade de energias renováveis? Vão de férias de comboio, de carro ou de avião, ou ficam em casa? Por exemplo: para leitores desta revista, uma estadia de quinze dias para fazer caminhadas em Portugal custa 1.590 euros por participante. O preço inclui todas as dormidas, três refeições diárias, todos os guias, seguros contra acidentes e transferes, mas exclui a viagem de e para o país …

Leia mais »

Habita Jovem

Vitor Carlos da Silva Maio O programa chama-se “Habita Jovem” e apoia financeiramente jovens proprietários que queiram restaurar corretamente as ruínas de Monchique. Vitor Carlos da Silva Maio tem 33 anos de idade, e a sua casa antiga, agora nova, está quase concluída. Trabalha arduamente na restauração da mesma desde 2011: construiu um telhado novo, isolou as paredes de forma profissional, entregou os trabalhos da renovação de toda a rede elétrica e de águas a especialistas, encomendou novas portas e janelas, colocou chão novo, e muitas coisas mais. Também já sabe que irá habitar a sua antiga casa, agora nova …

Leia mais »

A caminho de tornar-se sapateiro

Aprender o ofício do calçado! Na segunda-feira, 25 de Abril, o primeiro aprendiz de sapateiro de Monchique despediu-se dos pais e pôs-se a caminho da Áustria. José Pedro Mira Nunes (23 anos) inscreveu-se na ECO123 para o projecto de formação em aprendizagem de sapateiro. Ele fala-nos também da longa tradição da família, que remonta até ao bisavô que, nos anos 60 do século passado, fazia sapatos em Monchique. O júri seleccionou-o, como o primeiro de dois candidatos adequados para esta formação. Após três dias de viagem de comboio, chegou à GEA em Schrems, a cinco quilómetros da fronteira checa e …

Leia mais »

Peixe do meu jardim

Hidroponia + Aquacultura = Aquaponia. O primeiro Workshop da ECO123, que teve lugar durante um fim de semana prolongado nas Caldas de Monchique, teve 12 participantes. Os formadores João Cotter, de Lisboa, e João Vidal Lemos, de Aveiro, começaram com uma breve introdução teórica no hotel. Depois, os participantes passaram da sala de formação para o jardim. Ali, inauguraram o tanque de cultivo de dois por cinco metros, colocando na água pés de alface, courgette, tomate e melão em pequenos cestos. Os primeiros peixes introduzidos no tanque circular foram quatro pequenos achigãs.   A aquaponia é um sistema agrícola em …

Leia mais »

Barco Eletrossolar | Alia ecologia à inovação

O Sunsailer 7.0 é o primeiro barco eletrossolar construído pela empresa SunConcept, em Olhão. O sistema deste barco, de sete metros de comprimento, com capacidade para sete pessoas e condução para quem tenha carta de marinheiro, permite uma utilização sem ruído, sem poluição da água e sem custos de combustível. “Essencialmente é uma preocupação com o meio ambiente”, conta Jorge Severino, sócio responsável pela parte técnica. O proprietário pode ainda instalar uma vela ou um sistema de tenda iglu. Com dois motores elétricos fora de borda de seis cavalos, o barco atinge a velocidade máxima de sete nós (12 km/h) …

Leia mais »

Greenpeace na Conferência Digital re:publica

Volker Gassner (l-r), porta-voz do Greenpeace da Alemanha, Jürgen Knirsch, especialista em comércio, e Stefan Krug, director da representação política Greenpeace Alemanha, falando em 2016/05/02 na re: publica em Berlim. A organização ambientalista anunciou na conferência de imprensa que tornou públicos os documentos secretos do Acordo de Livre Comércio e Investimento (TTIP, na sigla em inglês). Consulte o documento:

Leia mais »

BEQ | a energia do Algarve também se come

Figo, alfarroba, amêndoa, mel e flor de sal, são os ingredientes da Barra Energética de Querença (BEQ) 100% natural, feita à base de produtos do barrocal algarvio e que surge em duas versões: para desportistas e para público geral e crianças. A Barra Energética de Querença (BEQ) surgiu numa pareceria entre o Projeto Querença e a Universidade do Algarve com o objectivo de levar jovens licenciados para o interior do concelho de Loulé, para desenvolver novas ideias e valorizar os recursos naturais da região. “A ideia é usar os produtos endógenos mas também dinamizar a cultura de sequeiro, o figo, …

Leia mais »