Sexta-feira, Abril 20, 2018
pt-ptende
Inicio | Destaque

Destaque

Ouro Azul

Foi a concretização de um sonho: viver na Natureza, com água pura, ar puro, terra fértil e em auto-suficiência. Era esse o plano inicial. Há muito que já tinha deixado a vida de cidade, barulho, stress, trânsito caótico, com betão, lixo, poluição e tantas pessoas em tão pouco espaço. Mudei-me para o interior, para a montanha com floresta perto de Monchique. O terreno também tinha uma nascente, que formava uma ribeira, ribeira essa que, no seu caminho até ao mar, se transforma num rio para, por fim, desaguar no Atlântico. Voltei a sentir as estações do ano, e a dar …

Leia mais »

Temos que nos preparar para um racionamento da água?

Teresa Fernandes, responsável pela Comunicação e Educação Ambiental da Águas do Algarve SA., empresa responsável pelo abastecimento de água na região, admite a possibilidade de escassez de água a médio, longo prazo mas, mesmo que não chova, garante que até final do ano não vai faltar água à população. A água está tornar-se uma espécie de ouro azul? Em meu entender a água é mais importante que o ouro, em qualquer parte do mundo, porque é insubstituível. Não conseguimos viver sem água. Ela é fundamental para a sobrevivência de todo o ser humano. Se eu não tiver petróleo, utilizo o …

Leia mais »
sado rio triste

O rio triste

Foi numa quinta-feira de janeiro, numa aldeia do Alentejo, que vi pela primeira vez um presidente da câmara a chorar. Um homem experiente, artesão, e que está na presidência há muitos anos. Naquele momento o desespero tomava conta de si. Desde o início do verão passado que os furos não têm água. Tal como outras aldeias da região, a sua passou a receber água potável em camiões cisterna que vêm do Monte da Rocha, uma barragem do Sado. Mas esta agora está vazia e, mesmo no último inverno, só encheu até 23% da sua capacidade. O que também baixa a …

Leia mais »
herbicidas

Porque não sabem o que fazem

As imagens não deixam dúvidas. Dois funcionários da Câmara Municipal de Monchique estão a aplicar herbicida nos passeios públicos. Os dois homens devem saber que estão a fazer algo de perigoso, porque estão a usar um fato protetor integral, máscara e luvas. Protegem-se a si mesmos, mas quem é que protege as pessoas, as plantas e os animais? Quando lhes perguntei se sabiam o que estavam a fazer, começaram a gesticular para eu me afastar. – Vá-se embora! Diziam. Mas eu fiquei. Alguns minutos a seguir, uma mãe passa com um carrinho de bebé, exatamente no mesmo local. Há gatos, …

Leia mais »
Tamera lago_2011

Usar Água Sem Abusar

Tamera à beira do lago Em Tamera, no concelho de Odemira, Alentejo, juntou-se uma comunidade composta por 200 pessoas. Nela criaram, em colaboração com o agricultor ecológico austríaco Sepp Holzer, um sistema de retenção de água exemplar, que demonstra ser possível ter colheitas abundantes numa região com verões muito secos. Sepp Holzer conta-nos a sua experiência: “Em março de 2007 fui convidado a fazer uma consultadoria em Tamera. A questão que se colocava era saber se seria possível, numa área de 134 hectares, situada numa região seca como a que se verifica no Sul de Portugal, criar um modelo de …

Leia mais »
Waterman Rajendra Singh

Desacelerar, distribuir e deixar infiltrar a água da chuva

Secas, desertificação, ondas de calor, cheias: as consequências das alterações climáticas agravam-se com os desequilíbrios na gestão da água a nível mundial. Em alguns pontos do globo há agricultores, iniciativas e proprietários que enfrentam esta ameaça com medidas simples e locais – e com sucesso. Todos seguem sempre o mesmo princípio: onde a chuva cai é onde ela se deve infiltrar no solo. Descentralizar em vez de centralizar. Um dos casos de sucesso é Tamera, no concelho de Odemira, Alentejo. Todos os seres vivos precisam de água. A disponibilidade de água em quantidade suficiente numa paisagem é que a valoriza …

Leia mais »
water

A água daqui, que falta ali…

ECO123 falou com a Administração da Região Hidrográfica do Algarve da Agência Portuguesa do Ambiente, em Faro. Há cinco serviços centrais em Portugal, os do Algarve, e os do Alentejo, Tejo, região norte e região centro. Os serviços de Faro são responsáveis pelo Algarve. O Ministério do Ambiente tem cinco objetivos estratégicos: Aumentar o nível de proteção, recuperação e valorização dos ecossistemas; aumentar o nível de proteção de pessoas e bens face a situações de risco; melhorar o conhecimento e a informação sobre o ambiente; reforçar a participação pública e assegurar o envolvimento das instituições; garantir a excelência no desempenho …

Leia mais »
poluição no rio tejo

Cor de café com leite

Pouca coisa na vida é preta e branca. No entanto, o rio Tejo dos nossos dias é-o. É preto num lado e branco no outro. Água transparente ao lado de água suja. Esta separação das águas a meio do rio não se deve a uma força maior no sentido clássico, divino do termo, mas sim no sentido bem mais contemporâneo: a poluição do rio Tejo deve-se às grandes indústrias de papel situadas à sua beira, em Vila Velha de Rodão. Até há pouco tempo ninguém teve a coragem de apontar o dedo aos grandes tubos que lançam água poluída a …

Leia mais »
agua de monchique

Atingimos uma produção de 74 milhões de litros

A água de Monchique é conhecida desde a presença romana na Península Ibérica. Com propriedades únicas, esta água de ‘sabor estranho’, como tem vindo a ser classificada por vários consumidores desde o inicio da sua comercialização, tornou-se recentemente sinónimo de qualidade e de bem estar. Depois de atravessar um período delicado em termos financeiros, a Sociedade da Água de Monchique, que detinha a concessão de exploração desde 1992, foi adquirida em 2010 pela WaterBunkers SGPS SA, sediada em Braga. Rapidamente passou de marca branca a uma espécie de produto gourmet. Foi também uma das últimas marcas resistentes às garrafas de …

Leia mais »
Peregrino Algarvio

Cada quilómetro tem uma história

A história de José Júlio Brito começou em 2010 no dia em que saiu de sua casa, em Vila Real de Santo António, colocou a mochila às costas e partiu à procura de respostas numa busca interior. A intenção inicial era a de caminhar sem rumo, para enfrentar as autolimitações impostas a si próprio e fugir ao corrupio do dia a dia, mas depois de dez dias a caminhar o seu percurso viria a terminar em Fátima. Pelo caminho apelidaram-no de ‘Peregrino Algarvio’ e cada quilómetro trouxe uma história para contar. Nos últimos sete anos caminhou no total mais de …

Leia mais »