Quinta-feira, Dezembro 14, 2017
pt-ptende
Inicio | Dez simples passos para um mundo melhor

Dez simples passos para um mundo melhor

  1. Faça as suas compras nos seus próprios sacos de pano e recuse sacos plásticos no supermercado: também na frutaria e nas caixas.
  2. Compre apenas produtos locais e regionais, por exemplo, bananas da Madeira e não da Costa Rica; batatas, legumes e frutas da sua localidade (máximo de um raio de 50 km) e sazonais: ou seja morangos na Primavera, mangas no final do Verão/Outono, brócolos e couve no Inverno. Faça compras apenas uma vez por semana, reduz bastante a mobilidade e o CO2.
  3. Reflita sobre como gostaria de alimentar-se: o bio e eco são saudáveis e protegem o solo e o organismo dos tóxicos como pesticidas, herbicidas, etc.
  4. Compre peixe e marisco apenas frescos na lota e informe-se sobre de onde o peixe vem e como foi capturado: do mar ou de aquacultura, com rede de arrasto ou de modo tradicional. Crie um sistema de Aquaponia no seu apartamento / na sua casa.
  5. Compre carne apenas no talho local e procure saber exactamente qual a origem da mesma (no restaurante também); a origem dos enchidos e presunto: como foi a criação e como foi alimentado o porco, coelho, etc. Evite a carne de criação industrial, evite carne com hormonas e antibióticos, porque o torna doente.
  6. Evite comer fast-food e também pizzas, conservas de peixe e legumes ultracongelados do supermercado. Pizzas e legumes como apenas frescos.
  7. Compre roupa também nas lojas de segunda-mão da sua localidade. Evite produtos gerais, que implicam longos períodos de transporte e contém substâncias não naturais (ex. poliéster, acrílico, etc). Se estes produtos ficarem nas prateleiras (nenhuma procura) e não se venderem, não voltarão a ser repostos (menos oferta de produtos nocivos ao ambiente).
  8. Descubra a origem da vida. Planeie plantar árvores no Outono. Começa com a sementeira no final do Verão. Pegue em bolotas, castanhas, nozes, amêndoas e pinhões, leve as sementes e caroços dos seus frutos (ex: das mangas, abacates, dióspiros frescos, etc) e coloque-os num vaso. Um ano depois e no Outono seguinte procure um lugar ideal para plantá-los na natureza: no seu jardim ou ao longo de trilhos de caminhada ou ribeiras, após as primeiras longas chuvas.
  9. Pense se a escolha de viver na cidade é realmente a melhor para si e os seus filhos. Não teria um modo de vida mais saudável no campo, na aldeia, rodeado de natureza? A sua vida poderia ser bem mais tranquila, sem stress e saudável, sem barulho, sem gases de tubos de escape e aviões a aterrar e descolar. Você teria a sua própria horta e determinaria a qualidade dos seus vegetais e da sua fruta. Nas zonas rurais existem muitas casas vazias. Portanto, o que o impede de partilhar em família?
  10. Filtre a água e evite água engarrafada em plástico. Evita assim o lixo e os tóxicos das garrafas PET para o seu organismo. Beba água filtrada apenas da torneira ou de garrafas de vidro.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Check Also

Peregrino Algarvio

Cada quilómetro tem uma história

A história de José Júlio Brito começou em 2010 no dia em que saiu de …

Deixar uma resposta